determinacao da dose letal de extracto de plantas

  • Monografías PlusExemplos de trabalhos de casa ensaios

    deterninaÇÃo da dose letal (mus musculos). dicentes camila dos santos ribeiro. naila fernandes da silva. florianopi. marÇo 2013. centro integrado de ensino superior de florianociesf. faculdade de ensino superior de florianofaesf. disciplina farmacologia. docente dra. maria do carmo carvalho martins. determinaÇÃo da dose. Sociedade Brasileira de Química (SBQ) 36 a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química Avaliação da toxicidade aguda e Dose Letal 50 (DL 50) da Garcinielliptona FC isolada de Platonia insignis Ana Paula dos S. C. L. da Silva 1 Joselma S. Lacerda 2 Priscila de S. Vieira 2 Mônica Cristina S. Mendes 1 José Carlos C. L. Silva Filho 3 Mirna L. de G. da Silva 1 Emanuelly Elanny

  • Avaliação da toxicidade aguda e Dose Letal 50 (DL ) da

    Sociedade Brasileira de Química (SBQ) 36 a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química Avaliação da toxicidade aguda e Dose Letal 50 (DL 50) da Garcinielliptona FC isolada de Platonia insignis Ana Paula dos S. C. L. da Silva 1 Joselma S. Lacerda 2 Priscila de S. Vieira 2 Mônica Cristina S. Mendes 1 José Carlos C. L. Silva Filho 3 Mirna L. de G. da Silva 1 Emanuelly Elanny deterninaÇÃo da dose letal (mus musculos). dicentes camila dos santos ribeiro. naila fernandes da silva. florianopi. marÇo 2013. centro integrado de ensino superior de florianociesf. faculdade de ensino superior de florianofaesf. disciplina farmacologia. docente dra. maria do carmo carvalho martins. determinaÇÃo da dose.

  • INTOXICAÇÃO EXPERIMENTAL POR MANIHOT SP. EM

    da Universidade Federal de Campina Grande na dose de 10 g por kg de peso vivo (PV). Foram utilizados 4 caprinos da raça moxotó de 7 a 15 kg de PV com idade de 6 a 8 meses. Esses animais eram pesados e submetidos a um jejum de 24 horas antes da administração da planta por via oral. Os 4 p.00656 y = -0 0046x2 0 7154x 0 4705 R2 = 0 9759 0 5 10 15 20 25 30 35 0 20 40 60 80 100 Dose Letal Nº de insetos FIGURA 1. Curva de determinação da dose letal de extrato aquoso de gengibre (Zingiberofficinale L.) em de pulgão-preto (Toxoptera citricida Kirkaldy) pela análise regressão polinomial.

  • (PDF) Toxicidad aguda oral de extractos hidroalcohólicos

    Toxicidad aguda oral de extractos hidroalcohólicos de plantas medicinales determinando que la dosis letal era de cincuenta. evaluar el efecto toxicológico acuático de dos colorantes de Chama-se de dose efetiva mediana (DE50) a dose necessária de fármaco para produzir um efeito específico em 50 da população. Conceitua-se como dose letal mediana (DL50) a dose necessária para causar o efeito tóxico de morte em 50 dos seres testados.

  • Dose letal medianaWikipédia a enciclopédia livre

    Em toxicologia dose letal mediana (DL 50 ou LD 50 do inglês Lethal Dose) é a dose necessária de uma dada substância ou tipo de radiação para matar 50 de uma população em teste (normalmente medida em miligramas de substância por quilograma de massa corporal dos indivíduos testados). A sua determinação é feita expondo cobaias a diferentes doses da substância a ser testada por um avaliar a toxicidade dos extratos aquoso (EA-Aa) etanólico (EE-Aa) e metanólico (EM-Aa) das folhas de A. aculeata utilizando o modelo biológico experimental Artemia salina. Para a determinação da presença de saponinas uma alíquota de 0 01 g de cada extrato foi dissolvida em 2 mL de etanol P.A. Na

  • CONTRIBUIÇÃO AO ESTUDO DA PATOGENIA DA FIBROSE

    - dose letal fracionada em cinco vezes a cada 3 dias Coelho 3o dobro da dose letal fracionada em 6 vezes a cada 4 dias Coelhos 4 5 e 6o dobro da dose letal fracionada em 10 vezes a cada 4 dias Coelho 7. Um experimento adicional foi realizado com doses diárias de 2g kg-1 até alcançar a dose tóxica letal Coelho 8. componente da molécula da clorofila presente em folhas verdes de várias plantas medicinais. Entretanto pouco é descrito na literatura sobre os possíveis efeitos toxicológicos produzidos pelo fitol. O objetivo do nosso estudo foi avaliar a toxicidade aguda do fitol após administração intraperitoneal para determinação da dose letal

  • Avaliação do potencial anti-inflamatório antioxidante e

    3.4.4 Determinação da capacidade de sequestro do radical anião superóxido detetada pela diminuição da formação de formazano .. 43 3.5 Determinação da atividade antimicrobiana dos diferentes extratos de plantas iniciou-se com uma dose bastante baixa e a próxima dose era 50 do valor da anterior e assim sucessivamente até que a menor dose na seqüência considerada induzisse a morte do animal no período de 48 h. 2.3Determinação da Dose Letal Mediana (DL50) Para a determinação da DL50 os animais foram distribuídos em seis grupos

  • Isadora Bianchin Giancalo Pasquali

    Detecção da presença sistêmica e duradoura dos vetores nas plantas Figura 1. Fluxograma das etapas do projeto em desenvolvimento. A seta rosa indica a atual etapa do projeto. Objetivo Metodologia Resultados Perspectivas •Determinação da dose letal mínima de Canamicina •Tratamento de plantas de Eucalyptus com os vetores recombinantes O conteúdo de cianeto nestas folhas de diferentes cultivares é muito variado em decorrência da forma de secagem das folhas a idade da planta e dos fatores genéticos. O objetivo do presente trabalho foi analisar amostras de pó de folhas de mandioca comercializadas e consumidas em Salvador

  • Monitoramento de Resistência de Plantas Daninhas a

    onerar demasiadamente o controle de plantas daninhas na cultura da soja (ADEGAS et al. 2017). Realizar o monitoramento dos casos de resistência é prática importante pois permite identificá-la precocemente e entender a frequência e a dispersão de plantas equivalente (mg QE) / g de peso seco de extracto de planta. 2.6. Atividade Antioxidante Utilizando o ABTS De acordo com Uchôa et al. (2015). O ensaio de ABTS baseia-se na geração de cromóforo radical catiónico obtido a partir da oxidação de ABTS por persulfato de potássio. A reação de oxidação foi

  • Análise de toxicidade aguda e determinação da dose letal

    a morte de metade dos animais (n=2) após 15 h da última aplicação da referida concentração. Para as demais doses (40 e 20 ) não foi evidenciada a morte de nenhum dos animais. Figura 2. Dose letal mediana de efluente de curtume diluído em água e administrado em fêmeas de camundongos Swiss. Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento OCL imentos ISSN Dezembro 2003 Transformação de Plantas ISSN ki Dezembro 2003 Ministério da Agricultura Pecuária é Abastecimento Documentos Transformação de Plantas Solange Rocha Monteiro de Andrade Planaltina DF 2003 Exemplares desta publicação podem ser adquiridos na Embrapa Cerrados BR 020 Km 18

  • Atividade inseticida de Extrato Aquoso de Gengibre

    p.00656 y = -0 0046x2 0 7154x 0 4705 R2 = 0 9759 0 5 10 15 20 25 30 35 0 20 40 60 80 100 Dose Letal Nº de insetos FIGURA 1. Curva de determinação da dose letal de extrato aquoso de gengibre (Zingiberofficinale L.) em de pulgão-preto (Toxoptera citricida Kirkaldy) pela análise regressão polinomial. Para avaliação da toxicidade desta planta foram realizados dois procedimentos simultâneos a determinação da dose letal 50 e o "Screening Hipocrático". Para avaliação das funções hepáticas e renais foram feitas determinações de aspartato aminotransferase alanina aminotransferase uréia e creatinina. Também foram

  • TOXICIDADE AGUDA DE LÁTEX E EXTRATO ETANÓLICO DE

    iniciou-se com uma dose bastante baixa e a próxima dose era 50 do valor da anterior e assim sucessivamente até que a menor dose na seqüência considerada induzisse a morte do animal no período de 48 h. 2.3Determinação da Dose Letal Mediana (DL50) Para a determinação da DL50 os animais foram distribuídos em seis grupos al efecto antihipertensivo de esta planta o de algún componente aislado de ella ya que la mayoría de investigaciones de esta especie están referidos a su efecto hipnóti-co y sedante. Los objetivos del presente estudio fue-ron determinar el efecto antihipertensivo y la dosis letal 50 del jugo del fruto y el extracto etanólico de las hojas de

  • An Schinus Raddi) e Pimenta do Reino (Piper nigrum L.)

    Para a determinação da toxicidade aguda dos extratos brutos de Schinus terebinthifoliuse Piper nigrumforam utilizados camundongos se-parados em grupos de 10 animais por tratamen-to mantidos em jejum prévio de 12 h antes dos ensaios. Neste experimento foram realizados dois procedimentos simultâneos a determinação da dose letal mediana (DL A determinação da dose letal 50 (DL 50) no cultivo in vitro de H. bihai é o passo inicial para utilização desse método. Determinação da DL 50 em explantes de Heliconia bihai

  • Avaliação da toxicidade aguda e Dose Letal 50 (DL ) da

    Sociedade Brasileira de Química (SBQ) 36 a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química Avaliação da toxicidade aguda e Dose Letal 50 (DL 50) da Garcinielliptona FC isolada de Platonia insignis Ana Paula dos S. C. L. da Silva 1 Joselma S. Lacerda 2 Priscila de S. Vieira 2 Mônica Cristina S. Mendes 1 José Carlos C. L. Silva Filho 3 Mirna L. de G. da Silva 1 Emanuelly Elanny Determinação do perfil fitoquímico e avaliação das atividades biológicas de extrato da espécie Scleronema micranthum da família Bombacaceae Tatiana Marqueset al. Para obtenção dos valores de dose letal (DL 50) foi utilizada a análise PROBIT através do software BIOSTAT® 2009. Para comparação dos valores de DL 50

  • Crescimento e caracterização química de fungos

    Índice de Tabelas Crescimento e caracterização química de fungos micorrízicos e plantas de Pinus pinaster na presença e ausência do simbionte vi ÍNDICE DE TABELAS Tabela 1. Classificação dos fungos do Filo Basidiomycota (Kirk et al. 2008). .. 6 Tabela 2. determinação da dose letal de extracto de planta fábrica de cimento da fábrica e máquinas Conversar com as vendas. planta da area de moagem de minerio de tantalita . cromita de cobre planta de beneficiamento de minerio. tantalita preco da maquina de beneficiamento M #quina de tritura # #o. obter preço >> limpa Reduzida em

  • Justifica-se o uso de extractos de plantas medicinais na

    O uso de plantas medicinais em terapêutica é comum seja como extractos de determinadas partes da planta (por exemplo de caule folhas flores rizoma) ou como componentes isolados a partir dos extractos. Qualquer destes produtos deve seguir as normas aconselhadas de qualidade incluindo a sua padronização para garantir Química e Processamento de Recursos Locais da Faculdade de Ciências da Universidade Tabela I. Usos tradicionais e indicações de algumas plantas do género Bridelia.. 7 Tabela II. FAEC Fracção acetato de etilo de extracto de caules de Bridelia cathartica

  • DETERMINAÇÃO DA DL50 PARA O CONTROLE DA

    Porém um dos maiores problemas que a espécie vêm enfrentado no Brasil é o ataque de uma lagarta que provoca desfolha em plantas de álamo conhecida como mariposa-do-álamo (Condylorrhiza vestigialis). Esse inseto provoca danos na planta no período de maior crescimento vegetativo da mesma nos meses de dezembro a março. Determinou‐se o índice de citotoxicidade do resveratrol e a dose letal 50 da radiação gama. O índice de citotoxicidade (IC50 ) do resveratrol foi de 21 correspondendo à concentração de 50 µM. A dose de radiação gama que induz 50 de morte celular DL50 foi de 350 Gy.

  • determinação da dose letal de extracto de planta

    DETERMINAÇÃO EXPERIMENTAL DA DOSE DE REDUÇÃO DO CRESCIMENTO Determinação experimental da dose de redução do crescimento (GR 50) e da dose letal (LD 50) de soja irradiana por média das plantas com o aumento da dose para os . Obter preço Biotério do Departamento de Antibióticos da Universidade Federal de Pernambuco entre os meses de março a abril de 2008. Foram utilizadas as larvas na forma de metanáuplio utilizando-se a Concentração Letal Média (CL 50) como parâmetro de avaliação da atividade biológica (Lopes et al. 2002). Para a obtenção dos metanáuplios cistos

  • CL 50 CL 0 1

    Para o cálculo da CL 50 e da modelagem de estimativa de efeito crônico foi utilizado o programa Acute to Chronic Estimation ± Ace v 2 .0 . INTRODUÇÃO A Amazônia é a maior floresta tropical do mundo contém um quinto de toda a água doce da Terra e a maior biodiversidade de plantas Toxicidad aguda oral de extractos hidroalcohólicos de plantas medicinales determinando que la dosis letal era de cincuenta. evaluar el efecto toxicológico acuático de dos colorantes de

Copyright © . GBM All rights reserved. Sitemap